segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Zebra cabeluda

Até o uniforme combina! Depois de duas zebras nas semis, a estrela solitária finaliza uma Guanabara de loucuras em plena ressaca de Carnaval. Outro milagre de Papai Joel. Como o cara consegue vencer um campeonato com um time daqueles? Coisa de mágico. O que me chamou a atenção foi ser a primeira vez que vejo saírem dois vices de uma só final.



Mas no todo foi uma tarde divertida. Presenciei Saldanha rezando logo após o primeiro gol do Bostinha, coisa linda. Feio foi ele sair à francesa mandando aquele tchauzinho sem graça de longe, aproveitando uma breve confusão criada por um mulambo marrento. Em um empurra-empurra pós-jogo, o idiota resolveu dar uma cabeçada à la Zidane num vascaíno de cabeça inchada. Só podia ser do lado negro mesmo.

Agora fica a dúvida se Flamengo e Fluminense vão jogar sério essa bagaça no segundo turno e fazer valer a superioridade dos elencos. Até porque ninguém aguenta outra final dessas.

ST

Um comentário:

El Rafo Saldaña disse...

Não saí à francesa. Me despedi de todos, o senhor não foi agraciado com um beijo do gordo pq foi mijar.