quinta-feira, 10 de maio de 2012

Assim você me mata...


Cruzmaltinos desse planeta,

tem horas que decidir fora de casa não chega a ser ruim. Se o jogo de hoje tivesse sido em São Januário, a torcida teria perdido a paciência. Sim, porque tomar dois gols desse timeco já seria imperdoável, mas a coisa toda fica ainda mais feia quando vemos que sequer chutamos à gol no segundo tempo. O Vasco mais uma vez jogou um primeiro tempo exemplar e foi sabotado pelo próprio treinador no segundo. Confesso que estranhei quando vi Zidanilton em campo. Não me entendam mal, acho o careca melhor do que Fellipe Bastos e Eduardo Costa, mas esperava do Cristóvão pelo menos coerência: entrar com um jogador que nem foi relacionado no primeiro jogo é coisa de quem não anda pensando... Porém, graças a Deus que nosso treineiro acertou a escalação. Além de combater o jogo inteiro, o volante marcou um golaço daqueles que vão virar música se o Gigante conquistar o título ("Contra o Lanús/foi uma dureza... Um gol do Nílton/ Na Fortaleeeeeeeza" - Valeu, Nico!). Mas, quando começou a mexer no time, Cristóvão mostrou que um raio não cai duas vezes no mesmo lugar, e fez as cagadas de sempre. Tirou Diego Souza e Éder Luís, pra colocar o inútil Carlos Alberto e o volante Allan. Só não colocou seu querido Fellipe Bastos porque sofreu um gol na hora na substituição. Com o bonde da camisa 21 em campo, certamente não estaria aqui escrevendo.
Muitos dirão que as 5 cobranças de pênaltis foram ótimas, e disso não discordo. A questão é que elas não deviam nem ter acontecido. Se tivéssemos um técnico, a coisa toda tinha vindo resolvida de São Januário... Teríamos classificado com menos sufoco...
Mas verdade seja dita: Se o jogo de hoje fosse em São Januário, a torcida teria vaiado todo o segundo tempo... E nós não teríamos passado.

Que venham os gambás...

5 comentários:

JTVascão disse...

Haja má vontade com o Cristovão!!!! Que culpa ele tem se o Alecsandro não consegue segurar 1 bola na frente, e o Eder Luis ou corre ou pensa? A entrada do Alan foi boa, mas o Carlos Alberto é uma V-E-R-G-O-N-H-A. Perdeu todas as bolas.
Enfim, vai ser bem difícil contra o bom Corinthians, mas estamos vivos!!

El Rafo Saldaña disse...

Aí é que está... Pelas características do Alecsandro, desde o início de sua carreira, todo mundo sabe q o Alecsandro não consegue segurar uma bola na frente... Mais do que isso: não é pra ele segurar. Jogar com Alecsandro voltando é uma burrice... Nosso camisa 9 é centroavante de ficar dentro da área, pra tentar matar as q chegam até ele... Com Ricardo Gomes era assim e dava muito certo... Quem é que monta o time de forma errada?
Eu não consigo entender sua boa vontade com esse cidadão, que claramente exerce uma função para a qual não está preparado, correndo o risco de jogar no lixo o trabalho árduo do ano passado entregando jogos bobos contra times medianos...

PS: A torcida ME MATA DE VERGONHA quando pede Carlos Alberto...

Marcelo Braga disse...

Saldanha, jamais irei opinar sobre o técnico do seu time. Mas as suas reclamações são totalmente coerentes com o Cristóvão.

O Vasco se complicou e quase roda. Confesso que não quero ver os gambás passando para as semi.

Boa sorte pra vocês!

ST

Henrique Binato disse...

Na moral, esse time do Lanús(que conseguiu perder da bosta do time do Flamengo), não pega semifinal nem no rural de Minas.
O Vasco quase se complicou e os penaltis do Renato Maconha e do Alecsandro - se fica parado pega os dois - ja diziz um tio meu

Anônimo disse...

O Vasco não possui plantel para ser campeao...será que o Dedé joga?